» [Notícias]

PEQUIM, 13 Mar 2013 (AFP) – A gigante americana dos refrigerantes Coca-Cola anunciou nesta quarta-feira ‘cooperar plenamente’ com as autoridades chinesas, depois de ter sido acusado de cartografar ilegalmente uma parte da província de Yunnan (sudoeste), com fins logísticos e de mercado.

‘A Coca-Cola obteve de forma ilegal informações confidenciais com aparelho GPS portáteis’, afirma o site do governo provincial de Yunnan, que cita a secretaria local responsável pela cartografia.

 

Continue lendo em G1.com